Desenvolvimento de materiais a partir de resíduos industriais: Estudos de casos

Desenvolvimento de materiais a partir de resíduos industriais: Estudos de casos

Oscar Rubem Klegues Montedo
Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC 

Possui graduação em Química Industrial (1986) e em Engenharia Química (1987) pela Universidade do Sul de Santa Catarina, mestrado em Engenharia Química pela Universidade Federal de São Carlos (1992), doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de Santa Catarina (2005) e pós-doutorado na Friedrich-Alexander-Universitat-Erlangen-Nurnberg (Alemanha, 2010) e na Universidade Federal de Santa Catarina (2016). Atualmente é doutor nível V da Universidade do Extremo Sul Catarinense, onde atua como docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais e como docente do curso de engenharia química. Foi Pró-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão (2017) da Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC e atualmente ocupa o cargo de Diretor de Pesquisa e Pós-Graduação. É bolsista DT-1D do CNPq.

Resumo
Resíduos industriais têm sido estudados no âmbito do Programa de Pós-graduação em Ciência e Engenharia de Materiais – PPGCEM da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC em atendimento a uma de suas linhas de pesquisa, Resíduos. Em especial, três resíduos industriais apresentaram resultados de valorização muito interessantes e são apresentados como Estudos de Caso: Lama de Cal do processo Kraft de produção de papel e celulose, Resíduo de refratário de MgO-C e Resíduo do processo de beneficiamento de basalto.